Iogurte: excelente opção para quem não tolera leite

Veja algumas receitas no final da matéria

Por Marisa De Lucia


Embora a sabedoria popular diga que um copo de leite antes de dormir garante um sono tranquilo e que quem bebe leite fica livre de doenças e mantém-se bem alimentado, tem gente que tem intolerância a leite.

No Brasil, segundo o IBGE, o consumo per capita de leite de vaca, um dos mais tradicionais alimentos da cultura ocidental, é de 27,9 litros por ano.

Além de conter proteínas e vitaminas A, B1 e B2, o leite é uma rica fonte de cálcio, mineral essencial para a formação dos ossos e para evitar o seu desgaste.

De acordo com nutricionistas, quem não ingere cálcio durante toda a vida corre um grande risco de desenvolver osteoporose. A recomendação para crianças, adolescentes, grávidas, lactantes e mulheres na menopausa é de quatro copos diários. Para os demais adultos, de dois a três copos.

Contudo, devido algumas proteínas presentes no leite, como a caseína, a lactoalbumina e a lactoglobulina, que são bem mais pesadas que a lactoalbumina do leite materno, muitos bebês desenvolvem o que os médicos chamam de alergia ao leite de vaca.

A lactose, um tipo de açúcar natural, é outro componente polêmico do leite de vaca, pois pode provocar reações adversas em quem não tem ou produz pouca lactase, enzima que digere a substância. A produção da lactase diminui com o passar dos anos, por isso esse mal que atinge principalmente os adultos.

De acordo com estimativas, 40% da população tem algum grau de intolerância ao leite de vaca, mas não sabe disso. Os principais sintomas são cólicas, diarreia e náuseas e o diagnóstico pode ser feito com uma dieta de exclusão do alimento por um mês.

Entre os produtos derivados do leite, que contêm menos lactose, o iogurte é o mais indicado por ser um leite coalhado e preservar os nutrientes da bebida pura, transformando-a em alimento de fácil digestão.

Produzido a partir das misturas dos microorganismos “Streptococus thermophilus” e “Lactobacillus bulgaricus”, que consomem a lactose, o iogurte é também fonte de proteínas, cálcio, zinco, vitaminas A e do complexo B.

Benefícios do Iogurte

- Contribui para o fortalecimento dos ossos e do sistema nervoso;
- Ativa a produção de anticorpos, hormônios e enzimas, importantes para o metabolismo, contribuindo para reforçar o sistema imunológico e retardar o envelhecimento;
- Rico em vitamina A, que melhora a saúde da pele, dos cabelos, da visão e das unhas;
- Rico em vitaminas do complexo B, que proporcionam energia e oxigenam as células;
- Misturada a frutas, mel e cereais, pode ser ainda mais nutritivo.

Receita de Iogurte

Ingredientes:
Leite de vaca e fermento lácteo (cultura).

Modo de fazer:
Aqueça um litro de leite até o ponto de fervura. Retire do fogo e deixe esfriar até 40º (use um termômetro simples para medir). Adicione um envelope de fermento lácteo e mexa de dois a três minutos. Despeje a mistura em um pote grande, tampe o recipiente e leve-o para um local onde a temperatura possa se manter entre 40º e 43º (dentro do forno apagado, por exemplo). Aguarde entre quatro e seis horas até a completa coagulação do leite. Deixe na geladeira por, no mínimo, quatro horas e, na hora de servir, misture com frutas, mel ou granola.

Receita rápida de Iogurte

Abra uma caixa longa vida de leite semidesnatado ou desnatado e retire um copo da bebida. Complete a embalagem com um copo de iogurte desnatado puro e deixe na geladeira. O leite fermentará e se transformará também em iogurte.